Medo de incomodar – Por Lucas Geo

Medo de incomodarHá muito tempo venho observando um fenômeno curioso com meus pacientes autistas, um medo muito exagerado em incomodar os outros. Sabemos que níveis altos de ansiedade e de fobias específicas são altos nestes pacientes, mas é só isso?
Acredito que não, tem algo a mais aí. Mas o que seria? Será que pela dificuldade social tiveram muitas punições nas interações passadas e agora existe uma crítica exagerada sobre si?

Outro componente que podemos adicionar é a hiper empatia, uma tendência a se colocar empaticamente de maneira extremamente sensível ao outro, que a pessoa não suportaria a ideia de machucar.

Além disso, é muito comum o pensamento tudo ou nada no autismo, o que dificulta a ideia de que podemos incomodar só um pouquinho o vizinho pedindo uma xícara de açúcar, se é um incômodo, então seria um ENORME incômodo.

Como tempero final, percebemos a rigidez cognitiva atuando. É bem possível que durante a sua educação, o autista tenha sido educado de forma absolutista e simplista como: não pode incomodar o outro, não pode fazer barulho, não pode isso e aquilo. Se levarmos essa regra ao pé da letra e de maneira rígida, temos então o conceito de não pode incomodar nem um pouquinho.

Acontece que pra interagir socialmente nós vamos acabar incomodando o outro, e tudo bem. É preciso aprender a tolerar e flexibilizar os pequenos atritos, respeitando o próximo, mas sem o radicalismo que vai impedir o contato.

Você tem medo de incomodar?

Tags

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

top