Maternindade: uma revolução interna – Por Lara Mascarenhas

AUTTodas as mulheres em algum momento da sua vida experimentaram situações difíceis e até mesmo traumáticas que de uma forma ou de outra deixaram suas marcas.

No decorrer dos anos essas questões podem ter ficado esquecidas, dentro de um quartinho de despejo das memórias e os prejuízos que elas poderiam estar causando não ficam tão claros.

Quando a mulher se torna mãe essas marcas reacendem, as emoções são revisitadas, as memórias revividas e os danos causados por essas experiências se tornam mais palpáveis.

Acolher suas dores, cuida-las e se reescrever nessa grande jornada de autoconhecimento e entrega faz florescer uma mãe. Mãe que se recria e cria em um filho, uma relação e uma história que será bela, luminosa, forte, feliz, puro suco de amor incondicional.

Quando uma mãe se sente e se cuida, ela cuida e transforma tudo a sua volta, todo filho é feliz quando a mãe é feliz!

Tags

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

top